"Dia do Lixo" pode aumentar risco de diabetes, indica estudo

Imagem retirada de http://dicasdemusculacao.org/wp-content/uploads/2012/03/Dia-lixo.jpg
Imagem retirada de http://dicasdemusculacao.org/wp-content/uploads/2012/03/Dia-lixo.jpg

Seguir uma dieta à risca não é tarefa fácil, especialmente em comemorações onde é quase impossível resistir a um docinho. No entanto, especialistas não recomendam o hábito de "enfiar o pé na jaca" ou ter um "dia de lixo" e decidir compensar tudo no dia seguinte.

Um estudo realizador por pesquisadores da Universidade Loughborough, na Inglaterra, descobriu que apenas um único dia de exagero na alimentação exagero já pode aumentar o risco de desenvolver diabetes tipo 2.

Para análise, os cientistas acompanharam 15 jovens adultos saudáveis antes e depois de ter uma dieta com alto teor de gordura, como salsichas, bacon, ovo frito, hambúrguer, queijo e cheesecake. Os participantes passaram por exames de tolerância à glicose antes e depois das comilanças.

De acordo com os resultados, publicados no periódico Nutrients, o excesso de alimentos gordurosos durante um período de 24 horas aumenta os níveis de glicose no sangue e reduz a sensibilidade à insulina.

Desta forma, esse hábito nada saudável aumenta um fenômeno conhecido como resistência à insulina, uma situação onde há um desequilíbrio entre a quantidade de insulina produzida pelo pâncreas e o funcionamento desta quantidade de insulina, podendo resultar em diabetes.

"Isso é importante, pois o excesso de níveis de açúcar pode ser tóxico. Não só isso, mas sustentada pela alta produção de insulina podendo levar à disfunção pancreática e à incapacidade de produzir insulina quando é necessário. Essa descoberta destaca a necessidade de estar conscientes do que comemos e de como isso pode afetar nossa saúde", comentou o Dr. Carl Hulston

Embora o estudo seja pequeno e restrito, as conclusões indicam o quão importante é evitar exageros. Além disso, traz visibilidade para temas como compulsão alimentar e bulimia, transtornos alimentares muito comuns.

"No geral, apesar do nosso modelo de dieta tenha sido bastante extremo, nossos dados mostram a rapidez com que a alimentação exagerada com alto teor de gordura pode impactar negativamente o controle glicêmico", finalizou Hulston.

Fonte: Minha Vida

qrc:///tray_popup/win/index.html#