Ballet fitness emagrece e melhora autoestima; conheça benefícios

Imagem retirada de https://nit.pt/fit/ginasios-e-outdoor/ballet-fitness-e-a-nova-modalidade-do-o2-life-center-para-queimar-calorias
Imagem retirada de https://nit.pt/fit/ginasios-e-outdoor/ballet-fitness-e-a-nova-modalidade-do-o2-life-center-para-queimar-calorias

Você certamente conhece o balé ou ballet, correto? Mas uma nova modalidade vem ganhando espaço em academias, não somente entre os amantes da dança, mas também entre aqueles que desejam trabalhar os músculos do corpo: o ballet fitness.

O que é ballet fitness?
O ballet fitness é uma atividade que envolve as técnicas do ballet tradicional em conjunto com exercícios físicos funcionais. As aulas são realizadas com os passos da dança clássica somados aos movimentos funcionais básicos, como agachamentos, saltos, abdominais e isometrias.

Benefícios do ballet fitness
A técnica é capaz de proporcionar muitos benefícios ao corpo por trabalhar diversos grupos musculares. São eles:

- Melhora da postura
- Melhora do tônus muscular
- Aumento do condicionamento físico
- Ajuda na coordenação motora
 - Aumento do equilíbrio
- Ajuda na redução de peso
- Aumento da consciência corporal
- Melhora do humor
- Aumento da autoestima

Além disso, por serem realizadas em grupo, as aulas são capazes de melhorar e aumentar a convivência social dos participantes - sendo um ótimo lugar para conhecer pessoas e fazer novos amigos.

Diferença entre ballet clássico e ballet fitness
De acordo com a educadora física Paula Canto, no ballet tradicional, o maior objetivo é reproduzir os passos com graciosidade, leveza e com foco na apresentação da dança.

Já no ballet fitness, os movimentos também são executados com suavidade, porém, o objetivo principal é desenvolver as capacidades físicas: força, resistência, equilíbrio, flexibilidade, ritmo, coordenação motora e agilidade. Além da definição muscular, que ajuda no alinhamento postural.

Ballet fitness emagrece?
Sim. As aulas têm, em média, a duração de uma hora e com alterações na intensidade de movimentos funcionais. Sendo assim, Paula Canto explica que um trabalho cardiovascular é realizado através dos passos sequenciais sem pausas das coreografias, que auxiliam na redução de peso.

Além disso, em cada aula, é possível queimar aproximadamente 400 calorias, variando para mais ou para menos de acordo com a intensidade e a limitação de cada aluno.

Movimentos do ballet fitness
Durante a aula, os alunos executam exercícios funcionais básicos em conjunto com movimentos do ballet tradicional, como o Plié, Tendu, Jeté e Grant Battement. Conheça-os abaixo:

1. Plié
Um dos movimentos mais conhecidos e importantes do ballet. Ele é realizado através de uma flexão de joelhos, que é capaz de tornar os músculos mais flexíveis e maleáveis e os tendões, mais elásticos.

2.Tendu
O tendu é um movimento em que uma das pernas fica esticada ao lado, à frente ou atrás do corpo. A aluna afasta a perna na direção que pretende executar o movimento e vai arrastando o pé. É preciso levantar primeiro o calcanhar e depois a planta do pé, mantendo apenas a ponta do pé apoiada no chão

3. Jeté
O jeté é bem parecido com o tendu, porém ele é feito com mais energia e com os pés fora do chão, executando um salto. Ele pode variar entre saltos grandes ou pequenos.

4. Grand Battement
O grand battement é um movimento realizado com a perna e o pé sob a forma de batida. Para realizá-lo, é preciso que o tronco e as pernas estejam esticados. O praticante afasta a perna que realizará o movimento da perna que servirá como base, e realiza um movimento para frente e para o alto. Ele pode ser realizado em qualquer direção.

Substitui a musculação?
Por se tratar de uma modalidade que abrange todos os grupos musculares, trabalhando o fortalecimento e melhorando a funcionalidade do corpo de maneira geral, os alunos que não gostam da musculação podem substituir sua prática pelo ballet fitness.

Como começar e contraindicações
A educadora física Paula afirma que qualquer pessoa a partir de 14 anos pode começar a praticar a modalidade. Gestantes e portadores de lesões articulares devem apresentar liberação médica ou de fisioterapeuta.

Para começar, recomenda-se o uso de roupas leves e que permitem a realização dos movimentos, meias antiderrapantes e tênis de dança ou sapatilhas. Não é necessário ter experiência com ballet ou qualquer outro tipo de dança.

fonte: Minha Vida

qrc:///tray_popup/win/index.html#