Dia Mundial do Diabetes alerta para cuidados com a doença

Hoje pelo menos 300 milhões de pessoas no mundo chamam a atenção de todos nós. Este é o número de habitantes que sofrem com diabetes, segundo dados da Federação Internacional de Diabetes (IDF, sigla em inglês), que idealizou a data juntamente com a Organização Mundial de Saúde (OMS) nos anos 90, como resposta ao aumento dos casos da doença no mundo. De acordo com a OMS, se não forem tomadas medidas urgentes, este número pode dobrar na próxima década.

Somente no Brasil 5,8% (7,6 milhões) da população com mais de 18 anos sofrem com o diabetes tipo 2, segundo o Ministério da Saúde. E este número também tende a aumentar por aqui. Acredita-se que 500 novos casos são descobertos por dia. Se somados os casos de diabetes tipo 1 e 2, este número sobe para 10 milhões de pessoas no país.

Controle
No Dia Mundial do Diabetes o principal objetivo da Sociedade Brasileira de Diabetes é mostrar e importância dos cuidados com a alimentação e a prática de atividades físicas para a prevenção e controle do diabetes tipo 2, o único tipo que pode ser evitado e que é responsável por mais de 90% dos casos da doença. Para o endocrinologista do spa Estância do Lago, Fabiano Lago, hoje a doença é muito prevalente, porém pouco controlada.

O especialista explica que nestes casos de descontrole da doença o ideal é que o paciente seja internado para compensar, porém quando esta internação é feita em um hospital comum os resultados obtidos podem ser apenas momentâneos, já que a pessoa costuma retornar aos seus antigos hábitos assim que deixa o local. Além disso, o paciente fica sem muitas opções de atividades durante o período de internação em um hospital, tendo de permanecer boa parte do dia deitado, sem atividades.

Tratamento ideal
Para o médico o lugar ideal para internar um paciente com diabetes é onde, além do acompanhamento profissional, haja a possibilidade de aprender novos hábitos de vida. "A gente não só vai compensar, mas orientar da maneira mais correta. O spa é uma excelente opção", diz Lago que conta que a Estância do Lago tem sido frequentemente procurada por pessoas que precisam controlar o diabetes.

O próprio resultado de um tratamento em um spa, o emagrecimento, já colabora com a melhoria da doença. "O diabetes tipo 2 está muito relacionado ao excesso de peso", explica Lago. Porém, os efeitos conquistados neste tipo de tratamento costumam ser mais permanentes, pois a pessoa muda seus hábitos de vida. "Quando a pessoa se apresenta com níveis de glicemia iguais ou superiores a 350 ou 400 mg/dl e em uma semana sai da clínica com níveis de glicemia de 100 mg/dl, tem muito mais ânimo para se cuidar", afirma Lago. O tempo recomendado para o tratamento, segundo o endocrinologista, é de uma a duas semanas, dependendo de cada tratamento.

A doença
A diabetes é causada pela elevação da glicose no sangue, que é o açúcar digerido pelos alimentos que consumimos. Essa glicose é utilizada como energia pelos tecidos. Porém, a utilização depende da presença da insulina, que é produzida pelo pâncreas. Quando a insulina é insuficiente, ocorre o processo de hiperglicemia, ou seja, a diabetes. São três os tipos de diabetes existentes.

A tipo 1 é mais comum ocorrer em crianças e adolescentes. Neste tipo, a produção de insulina pelo pâncreas é insuficiente, o que obriga os doentes a fazerem injeções diárias de insulina. Na diabetes tipo 2, existe a presença da insulina, porém a absorção pelo corpo é dificultada por outros fatores, principalmente a obesidade. Neste caso, que atinge mais jovens e adultos, o recomendado são as mudanças de hábitos. As grávidas também podem sofrer com a diabetes gestacional, causada pela mudança de hormônios. Normalmente, costuma desaparecer após o nascimento da criança.

Nem sempre os sintomas são presentes nos pacientes com diabetes tipo 2. Porém, quando existem são: urina e sede excessiva, aumento do apetite, perda de peso, cansaço, vista embaçada ou turva e infecções frequentes. Já no tipo 1, os sintomas são percebidos rapidamente e precisam ser tratados de forma rápida, para evitar uma situação de emergência.

Fonte: Paran@shop

qrc:///tray_popup/win/index.html#