Noz da Índia tem efeito laxativo e pode ajudar no controle do colesterol

Imagem: Reprodução Instagram
Imagem: Reprodução Instagram

A noz da Índia consiste na semente do fruto da árvore Nogueira-de-Iguape. Ela foi trazida da Indonésia e tornou-se conhecida no Brasil especialmente devido à crença de que ajudaria na perda de peso. Também há quem acredite em seus efeitos terapêuticos contra a febre, inflamações, asma e outros problemas.

Noz da Índia emagrece?
Apesar da forte crença popular de que a noz da Índia contribui para o emagrecimento, ainda não existe nenhum estudo que comprove este benefício. Portanto, até o momento a resposta é: a noz da Índia não ajuda a emagrecer.

Composição da noz da Índia
Os compostos da noz da Índia são Moretenone, moretenol, alpha-amirina e beta-sitosterol. Estudos recentes apontam indicaram que vários extratos de noz da Índia apresentam atividade antibacteriana de acordo com a Universidade Federal de Santa Catarina.

Benefícios da noz da Índia
Efeito laxativo: Pesquisas concluíram que a noz da Índia tem um efeito laxativo e pode contribuir para a melhora do trânsito intestinal.

Benefícios em estudo da noz da Índia
Controla o colesterol: Um estudo realizado em ratos observou que o consumo de noz da Índia contribui para o controle dos níveis de colesterol e suas frações. Este benefício ocorreria devido à inibição da biossíntese de colesterol hepático, a síntese de colesterol pelo fígado e também pela menor absorção intestinal de gorduras.
Ação anti-inflamatória e analgésica: Outra pesquisa também realizada em ratos concluiu que a noz da Índia conta com ações anti-inflamatórias e analgésicas.

Quantidade recomendada
Não há uma quantidade recomendada sobre o quanto ingerir de noz da Índia. Porém, saiba que nos estudos com animais a quantidade utilizada é 300 ml por quilo de peso.

Como consumir
A noz da Índia pode ser ingerida em pó ou como um chá.

Contraindicações
Ainda não há contraindicações sobre o consumo da noz da Índia. Contudo, muitos especialistas argumentam que como ainda não há muitos estudos que comprovem os benefícios deste alimento, não é interessante consumir.  

Cuidados ao consumir
O principal cuidado ao consumir a noz da Índia é não confundi-la com o chapéu de napoleão. Este outro alimento tem efeito tóxico porque conta com grandes concentrações de glicosídeos cardiotônicos que afetam a saúde. Como os dois são muito semelhantes, a melhor maneira de não confundir é adquirir a noz da Índia de procedência confiável.

Fonte: Minha Vida, escrita por Bruna Stuppiello

qrc:///tray_popup/win/index.html#